Pular a navegação e ir direto para o conteúdo


Blog

01.05.2008 | 17:29

IBOV – Fechamento do mês: Abril/2008

Publicado na(s) categoria(s) Fluxo dos Investidores, Ibovespa, por Dalton Vieira

O Ibovespa fechou o mês de abril/08 em alta de 11,32%, a maior em um mês desde fevereiro de 2006. Mais da metade desta alta foi originada no último pregão do mês (+6,33%), devido a concessão ao Brasil do grau de investimento pela agência de risco Standard & Poor’s.

O fechamento deste mês em 67.868 pontos, acima da máxima histórica (66.528) e conseqüentemente acima da congestão (acumulação) deste tempo gráfico, sinaliza continuidade do movimento de alta do Ibovespa.

Investidores Estrangeiros – Rastro do Big Money

A notícia do grau de investimento para o Brasil foi antecipada pelo rastro do big money, ou seja, saldo dos investidores estrangeiros. Observe como o big money já sabia do grau de investimento:

  1. Do início do ano até 20/03 (sexta-feira) o SIE era negativo. Valor: R$ 8,04 bilhões.
  2. Do dia 24/03 (segunda-feira) até o dia 28/04, praticamente 01 mês, o SIE cresceu R$ 8,57 bilhões.

Portanto, o saldo do ano que era extremamente negativo ficou positivo em R$ 533,71 milhões. A seguir o gráfico anual da evolução do SIE e Ibovespa.


Participação dos investidores na Bovespa no mês de abril até o dia 28


FED – Novo corte: 0,25%

O FED ontem (30) cortou novamente a taxa de juros americana em 0,25 ponto percentual. Com este corte a taxa de juros dos EUA ficou em 2% ao ano. Ontem as bolsas de valores americanas fecharam em baixa, mas hoje (01) estão operando em alta superior a 1%. Este pode ser um bom sinal para o Ibovespa nesta sexta-feira (02), somado ao grau de investimento.

Será que várias ações abrirão o pregão desta sexta com gap de alta?

Até breve!

30.04.2008 | 22:43

Brasil – Grau de Investimento

Publicado na(s) categoria(s) Banco do Brasil, Bradesco, Fluxo dos Investidores, Ibovespa, Itau Unibanco, Unibanco, por Dalton Vieira

Há algum tempo venho destacando o volume de compras dos investidores estrangeiros na Bovespa desde o dia 24/03. O saldo dos investidores estrangeiros (SIE) que estava negativo no ano em R$ 8,04 bilhões até o dia 20/03, passou a ficar positivo em menos de um mês. Na análise da semana anterior destaco esta impressionante evolução.

Ao meu ver este volume de compras dos estrangeiros denunciava o rompimento do topo histórico e hoje (30) ficou claro o motivo destas compras bem superiores as vendas. Resposta: concessão ao Brasil do grau de investimento pela agência de risco Standard & Poor’s. Será que eles já sabiam?!



O Ibovespa confirmou hoje (30) a maior probabilidade do rompimento do topo histórico e fechou o dia em 67.868 pontos, alta de 6,33%. O volume financeiro do dia foi muito alto R$ 7,38 bilhões (antes do after market). As ações dos bancos que também venho destacando aqui no site fecharam o dia em forte alta: BBAS3 +9,64%, BBDC4 +7,45%, ITAU4 +8,41% e UBBR11 +11,83%.

Agora vamos ver se o IBOV chega na expansão de 161,8% do Fibonacci em torno dos 70.000 pontos.

Até breve!

28.04.2008 | 22:35

IBOV – Testando os 66.000 pontos

Publicado na(s) categoria(s) Banco do Brasil, Bradesco, Fluxo dos Investidores, Ibovespa, Itau Unibanco, Unibanco, por Dalton Vieira

IBOV

O Ibovespa abriu a semana oscilando na casa dos 66.000 pontos, mas não houve força compradora suficiente para fechar acima deste patamar e também do maior fechamento histórico do gráfico diário (figura ao lado), atualmente em 65.790 pontos. O IBOV fechou o dia com alta de 0,75% em 65.677 pontos.

Um sinal que poderia significar uma perda de força dos touros (compradores) na tentativa de romper o topo histórico, seria um fechamento abaixo da mínima (65.191) de hoje (28). A perda do suporte em 64.172 também seria um sinal ruim, o que é menos provável no cenário de alta atual.

Investidores Estrangeiros

No dia 24/04, dia em que o IBOV fechou em baixa de 0,57%, os investidores estrangeiros venderam mais do que compraram fazendo com que o saldo do dia terminasse negativo em R$ 218,53 milhões, a segunda vez no mês de abril. O saldo do mês continua bem positivo em R$ 6,17 bilhões.

A seguir a participação dos investidores até no mês de abril até o dia 24/04.


Bancos

Os compradores abriram a semana ávidos por comprar as ações dos bancos. Resultado disso foi um gap de alta nas ações BBAS3, BBDC4, ITAU4 e UBBR11. No entanto, as ações BBAS3 e BBDC4 terminaram o dia formando padrões de reversão de baixa dos candles, chamados de Shooting Star e Dark Cloud Cover, respectivamente.

Na BBDC4 o suporte para o atual movimento de alta está em $35,40, o que coincide com a média móvel exponencial de 13 períodos (MME13). O sinal de baixa desta ação ocorreu exatamente na expansão de 161,8% do Fibonacci ($37,50), conforme destacado na análise anterior dos bancos.

Na BBAS3 há alguns suportes intermediários que antecedem o principal em $24,21. São eles:

  • média móvel de 65 períodos;
  • $26,39 (antiga resistência);
  • $25,44 – suporte do gap de alta;
  • MME13.

A ITAU4 gerou um ponto de entrada ao abrir com gap de alta e fechou o dia em alta de 1,62%. No entanto, respeitou a zona de resistência que vai de $44,63 ate $45,30. O principal suporte deste ativo para o atual movimento de alta está abaixo da mínima ($42,70) do dia 24.

A UBBR11 foi a que teve um melhor desempenho no dia, abriu com gap de alta, fechou acima da resistência em $22,80 e com um volume de negociações na média dos últimos 21 dias. Portanto, a maior probabilidade deste ativo é entrar na região de resistência que vai de $23,45 até $24,26. Suporte deste sinal de alta em $21,61.

A seguir os gráficos diários destes ativos:

BBAS3
BBDC4
ITAU4
UBBR11

Até breve!

27.04.2008 | 23:08

Petrobrás – Desdobramento

Publicado na(s) categoria(s) Petrobras, por Dalton Vieira

A partir desta segunda-feira (28) as ações da Petrobrás sofrerão um desdobramento. O investidor que possui 100 ações preferenciais (PETR4) a $84,30 passará a ter 200 ações a $42,15. Este evento corporativo aumenta a quantidade de investidores que podem comprar um lote padrão (100 ações) da empresa.

No caso da PETR4 na sexta-feira (25) seria necessário desembolsar em torno de R$ 8.400,00 para comprar um lote padrão desta ação. A partir da segunda-feira (28) será necessário aproximadamente R$ 4.200,00 para comprar a mesma quantidade de ações. Este fato costuma aumentar a liquidez e também gerar uma alta na cotação do ativo.

No gráfico diário (figura ao lado) a PETR4 está próxima de importantes resistências e formou na sexta-feira o padrão de reversão dos candles chamado Harami. Ao meu ver um fechamento acima da máxima do dia 24 ($85,28) acompanhado de um bom volume de negociações será um sinal de alta para testar ou romper as resistências em $88,40 e $90,89 (topo histórico). Na segunda estes valores serão $44,20 e $44,45.

Tenha uma ótima semana.

Até breve!

27.04.2008 | 13:54

Bancos – Cenário de alta

Publicado na(s) categoria(s) Banco do Brasil, Bradesco, Itau Unibanco, Unibanco, por Dalton Vieira

BBDC4

Dentre as ações dos bancos (BBDC4, ITAU4 e UBBR11) que mencionei em análises anteriores a que mais se destacou nesta semana foi a BBDC4 (Bradesco PN). Esta ação fechou a semana em alta de 2,64% em 37,00. No grafico semanal (figura ao lado) o fechamento foi acima da máxima do topo anterior ($36.39) confirmando assim topos e fundos ascendentes neste tempo gráfico.

No gráfico diário (figura ao lado) esta ação deu um sinal de alta na quinta-feira (24) e o confirmou nesta sexta-feira (25) após fechar acima do topo anterior ($36,55). O ponto a favor deste fechamento foi o bom volume de negociações. A expansão de 161,8% do Fibonacci no pivô de alta deste tempo gráfico está em torno de $37,50. Deste valor até $38,25 temos uma região de resistência, local onde pode ocorrer uma pressão vendedora. O stop loss desta ação para uma entrada na segunda-feira (28) está localizado logo abaixo da mínima do dia 23 ($35,40).

ITAU4

A ITAU4 (gráfico diário ao lado) e UBBR11 não tiveram o mesmo desempenho da BBDC4 esta semana. Ambas fecharam a semana em queda de 0,88% e 3,42%, respectivamente. No entanto, o cenario de alta para estes ativos continua interessante, principalmente para ITAU4. Uma abertura na segunda-feira (28) acima de $43,90 gera um ponto de entrada, cujo o stop loss estaria posicionado abaixo da mínima do dia 24 ($42,70). O objetivo da operação está na zona de resistência que vai de $47,00 a $48,08.

UBBR11

A UBBR11 (Unibanco) também está em um ponto interessante nos gráficos semanal e diário (figura ao lado), testando as duas médias móveis (13 e 65 períodos) como suporte. Um fechamento acima de $22,14 será um sinal de alta cujo objetivo será a resistência em $24,26 (máxima do dia 27/02). O stop loss de uma possível entrada nesta ação estaria abaixo da mínima do dia 24 ($21,61).

BBAS3

A BBAS3 (Banco do Brasil ON) confirmou um pivô de alta após um bom período em tendência de baixa no gráfico diário (figura ao lado). O objetivo da alta desta ação em princípio está em torno de $28,70 até $29,82 (resistência do gap de baixa do dia 26/02). O stop loss está abaixo da mínima do dia 24 ($24,21).

Tenha uma ótima semana.

Até breve!

26.04.2008 | 0:35

Análise da Semana – 21 a 25/04

Publicado na(s) categoria(s) Análises Semanais, Fluxo dos Investidores, Ibovespa, por Dalton Vieira

Gráfico Semanal

O Ibovespa fechou esta semana em leve alta de 0,41%. O candle formado possui o padrão de um doji e/ou uma star (corpo pequeno fora do espaço ocupado pelo corpo do candle anterior) que representa certa indecisão. Este padrão pode sinalizar um sinal de reversão na região de resistência se na próxima semana o IBOV fechar abaixo de 64.172 pontos (mínima desta semana).

Agora vamos ver o que temos dentro deste candle semanal através do gráfico diário.

Gráfico Diário

O candle de indecisão do gráfico semanal é representado no diário (figura ao lado) por um fechamento apenas de 03 pontos acima da resistência em 65.409 pontos (máxima do dia 07), uma retração até o suporte da média móvel exponencial de 13 períodos e um sinal de alta neste suporte. Através desta leitura diria que a maior probabilidade é a de ocorrer o rompimento do topo histórico (66.528 pontos).

Nesta sexta-feira o Ibovespa foi marcado por dois momentos: no período da manhã foi dominado pelos ursos (vendedores) e no da tarde pelos touros (compradores). E foi assim que o IBOV encerrou o dia (+0,95%) com força compradora no suporte da MME13, fechamento acima dos 65.000 pontos (próximo da máxima do dia) e um ótimo volume financeiro. Este fato reforça a possibilidade de alta no curto prazo.

Investidores Estrangeiros – Impressionante

Particularmente estou impressionado com a força compradora dos investidores estrangeiros desde o dia 24/03. Não tinha presenciado ainda uma subida tão grande no saldo dos investidores estrangeiros (SIE), R$ 8,65 bilhões em 01 mês. O que caiu em praticamente 03 meses, subiu mais em apenas 01 mês. Observe no gráfico abaixo a forte alta do SIE inciada no final do mês de março.


No mês de abril o SIE está positivo em R$ 6,39 bilhões. Se continuar assim será um recorde em um único mês desde 1995. A seguir gráfico com a evolução do SIE e Ibovespa no mês de abril, até o dia 23/04.


Participação dos Investidores na Bovespa até 23/04


O SIE é mais um ponto favorável ao atual momento de alta (controle da situação por parte dos touros) do Ibovespa, em princípio reforçando ainda mais a possibilidade de nova máxima histórica.

Fibonacci

Usando a expansão de 161,8% do Fibonacci sobre o movimento de alta que vai do dia 20/03 até 07/04 temos a possibilidade do Ibovespa atingir a casa dos 70.000 pontos. Veja a expansão traçada na figura ao lado do gráfico diário. Será que vai lá?

Tenha um ótimo final de semana. Até breve!

P.S: Buscarei fazer uma análise ainda neste final de semana das ações dos bancos que venho destacando desde a semana anterior.

 Página 1.232 de 1.281  « Primeira  ... « 1.231  1.232  1.233  1.234 » ...  Última »