Pular a navegação e ir direto para o conteúdo


Blog

05.03.2009 | 19:47

Brasil Telecom PN (BRTO4) – Congestão no curto prazo

Publicado na(s) categoria(s) Brasil Telecom, por Dalton Vieira


A seguir a análise da BRTO4 enviado ao blog. Muito obrigado Fernando!

O ativo fechou o pregão de ontem (04 de março) a R$ 11,41, muito próximo da EMA 13, que tem sido uma referência para ele nas últimas semanas. Isso porque ele se encontra em tendência de baixa principal, mas em termos de curto e médio prazo se encontra em congestão, desde o fundo formado em outubro.

No dia 27 do referido mês, o fechamento foi em R$ 10,69 e pode ser considerado um importante suporte, já que é o fechamento mais baixo desde abril de 2007. Um suporte intermediário, que já pode ser um ponto de entrada, é a R$ 11,06 – mínima do dia 15 de janeiro e que fica numa região que já foi testada algumas vezes de lá pra cá, não tendo fechado abaixo dela nenhuma vez (o fechamento do dia 2 de março foi exatamente nesse valor).

A SMA de 65 períodos está andando lateralmente desde a última semana de novembro, e forma uma fortíssima resistência na faixa dos R$ 13,00. Há uma resistência na faixa dos R$ 12,00 que foi testada cerca de 3 vezes desde o início de fevereiro, e uma um pouco mais importante na casa dos R$ 12,70, que pode ser testada no curto a médio prazo.

Um dos fatores que mais contribuem para uma alta da ação no curto a médio prazo é o OBV, que neste dia 04 de março rompeu uma faixa de congestão com o topo referente ao topo do dia 27 de janeiro. Vale salientar que neste topo houve uma divergência de baixa no OBV, já que o preço fez um topo com altura igual à de um topo anterior em 13 de janeiro, enquanto o indicador fez um topo mais baixo que o topo relativo à esta data. Assim, agora o OBV está numa região muito próxima deste topo feito em janeiro, ainda não sinalizando seu rompimento – porém indica uma força maior para o preço chegar no valor desse dia – justamente os R$ 12,70 citados anteriormente como resistência.

Uma compra na faixa dos R$ 11,10 e uma venda na faixa dos R$ 12,50 (valores próximos aos limites da congestão) geraria um operação com lucro aproximado de 12%. Cabe ressaltar que esta análise foi feita antes do pregão de hoje, quinta-feira.

Sugestões e outros comentários acerca da análise serão bem-vindas, visto que o propósito dela é o aprendizado.

Muito obrigado pela atenção,
Fernando Maiola

Um comentário

Assine os feeds dos comentários deste post

  1. Dalton Vieira disse:

    Olá Fernando,

    Interessante a sua análise. Apenas acrescentaria o risco um pouco maior da operação por estar dentro de uma congestão. Além disso, é importante informar que se houver um fechamento abaixo de 10,98 acionaria o stop de uma possível compra mencionada por você.

    Se ação fechar a semana abaixo dos 11,18 dará indícios de buscar o suporte dos 10,00 (número redondo). Vamos ver agora se o preço acompanhará o OBV, pois o fechamento do dia de grande volume não foi dos melhores, respeitou a EMA13.

    Mais uma vez muito obrigado pelo envio da análise com foco no aprendizado. Parabéns!

    Grande abraço.
    Dalton Vieira

Deixe seu comentário

  • Para sua imagem aparecer ao lado de seu nome nos comentários, cadastre-se no Gravatar usando o mesmo e-mail com o qual comentou.
  • Para pedidos de parceria utilize o formulário de contato.
  • Comentários que deixam a impressão de divulgação de outro site através do fornecimento de links serão excluídos.