Pular a navegação e ir direto para o conteúdo


Ibovespa

25.07.2007 | 0:44

Fortes patadas

Publicado na(s) categoria(s) Ibovespa, por Dalton Vieira

IBOVESPA

Após os touros (compradores) iniciarem a semana animados, mas continuando dentro do território “inimigo”, hoje (24/07) os ursos (vendedores) foram para o ataque através de fortes patadas (vendas). O IBOV fechou abaixo de dois suportes pequenos (57.374 e 56.443) e também da LTA, como podemos verificar na figura ao lado do gráfico Diário. A queda de hoje praticamente encostou no suporte de 55.003 pontos, lugar este onde houve uma pressão compradora ao final do pregão.

Muitos devem fazer a seguinte pergunta: E agora o que esperar do Ibovespa? Na minha análise anterior “Contra-ataque dos Ursos” mencionei alguns sinais dos Ursos nos gráficos Diário e Semanal. Nesta mesma publicação, em resposta ao comentário do Diogo, escrevi: “…No meu ponto de vista, é um momento mais de gerenciar (“reduzir”) as posições abertas do que reforçar a carteira com mais ações...”. Enfim, acredito que seja um momento para se aumentar a cautela ao pensar em comprar ou ampliar a carteira de ações.

O candle de baixa desta terça-feira (24/07) foi muito forte, inclusive o volume de negociações foi alto, o que intensifica o padrão de baixa. Há agora uma zona de suporte para o Ibovespa entre 55.003 e 53.201 pontos. Caso haja um fechamento abaixo de 53.201 pontos, teremos o primeiro indício de uma provável mudança da tendência de curto prazo (gráfico Diário). Nesta região de suporte poderemos ter oportunidades de compras curtas (daytrades).

Vamos ver como será o fechamento desta importante semana.

Obrigado e até breve!

23.07.2007 | 0:33

Contra-ataque dos Ursos

Publicado na(s) categoria(s) Ibovespa, por Dalton Vieira

IBOVESPA

No pregão da quinta-feira, dia 19/07, o IBOV fechou (58.124) acima da máxima histórica (57.982 em 13/07), conforme mostra a figura ao lado do gráfico Diário. Neste momento o mais provável seria um dia de alta na sexta-feira (20/07). No entanto tivemos um “contra-ataque” dos ursos (vendedores) fazendo com que o fechamento deste dia fosse inferior a mínima do dia 19/07. A formação deste dia no gráfico de candlesticks chama-se Engolfo de Baixa. Este sinal aumenta a probabilidade de uma correção do IBOV testando a sua LTA (linha de tendência de alta).

No gráfico Semanal houve a formação de um Doji na máxima de um forte movimento de alta. Este Doji na máxima e dentro do corpo do candle anterior é um padrão chamado Harami Cross. Este padrão simboliza indecisão. No entanto, na minha opinião, se ao final desta semana (23 a 27/07) houver um fechamento abaixo da mínima deste Doji (56.903) aumenta a probabilidade de testar o suporte em 55.003 pontos. Para subir, fechamento acima de 58.292 pontos.

Em princípio as formações supracitadas nos gráficos Diário e Semanal sinalizam um possível controle da situação pelos ursos (vendedores) e um alerta para os touros (compradores). Vamos acompanhar se os touros demonstram sua força no decorrer desta semana ou se “as patadas” (ataque) dos ursos serão mais fortes.

Obrigado pela leitura e sucesso para todos.

21.06.2007 | 22:37

IBOV

Publicado na(s) categoria(s) Ibovespa, por Dalton Vieira

Pressão compradora coerente com o Clímax.

Nesta quinta-feira, dia 21/06, houve uma pressão compradora no Ibovespa logo após um dia de baixa e com volume considerável, como mostra a figura abaixo do gráfico Diário. No entanto, o volume de hoje foi inferior ao dia anterior de baixa e não conseguiu neste pregão fechar acima de 54.730 pontos, que é sua máxima histórica de fechamento.


O lado positivo desta pressão compradora é que ocorreu em sincronia com o indicador Clímax (figura ao lado) que voltou para cima da linha de 0% após estar na região sobrevendida de 30%.

Vamos verificar se o IBOV consegue fechar esta semana acima da máxima da semana passada (54.725 pontos) e com um bom volume, o que reforçaria a força dominante dos touros (compradores). Olhando para o lado dos comprados ou dos que ainda pretendem comprar, o ideal seria amanhã, dia 22/06, um fechamento acima de 55.000 pontos.

Com alta de hoje do IBOV identifiquei duas ações que fizeram nova máxima e fecharam acima das suas máximas históricas. São elas: GGBR4 e CMIG4. As duas tiveram um bom volume de negociações e estão com o OBV (on balance volume) acumulando. Destaque para CMIG4 que inclusive fez nova máxima no OBV. No entanto, são duas ações que já estão com altas consideráveis, logo operações neste ponto na minha opinião seriam de curtíssimo prazo.

Obrigado e até breve!

20.06.2007 | 19:18

IBOV

Publicado na(s) categoria(s) Ibovespa, por Dalton Vieira

Coerência entre o Ibovespa e seu Clímax!

Conforme divergência entre o Ibovespa e o seu indicador Clímax, descrita na análise anterior, hoje (20/06) ao testar a máxima (55.000 pontos) tivemos uma boa pressão vendedora (ursos) fazendo com que o IBOV fechasse na mínima do dia, finalmente coerente com o seu Clímax. Como pode ser observado na figura ao lado do gráfico Diário, o fechamento de hoje foi inferior a mínima do dia 18/06, o que aumenta a probabilidade de testar o(s) suporte(s) em 53.723 e/ou 53.422 pontos, sinalizados com a linha azul.

O Clímax do Ibovespa (figura abaixo) está na região sobrevendida (30%). Agora é aguardar uma possível divergência de alta com o IBOV ou então uma coerência de alta. Em paralelo, é interessante rastrear possíveis ações que podem gerar um sinal de compra, coerente com o Clímax e o Ibovespa.


O item 2 da estratégia de compra mencionada em uma análise anterior do IBOV foi atendido. Agora é aguardar o que foi descrito no parágrafo acima, ou seja, um bom sinal dos touros (de alta e com um bom volume).

Vamos acompanhar e aguardar os próximos capítulos (pregões)! Lembrando sempre de identificar a força dominante no mercado (touros ou ursos).

Obrigado pela leitura e sucesso nos negócios!

18.06.2007 | 20:29

IBOV

Publicado na(s) categoria(s) Ibovespa, por Dalton Vieira

E a divergência do IBOV e seu Clímax aumenta!

Hoje, dia 18/06, o Ibovespa mais uma vez fez nova máxima e um fechamento superior ao pregão anterior, como mostra o gráfico Diário abaixo.


Veja na figura abaixo o indicador Clímax do Ibovespa caindo (linha vermelha) e o IBOV subindo. O Clímax sinaliza uma provável correção ou retração do IBOV.


A minha estratégia descrita na análise anterior está mantida após o pregão desta segunda-feira. Em princípio aguardarei que uma das situações mencionadas nos itens 1 e 2 seja atendida. Entretanto, continuarei avaliando a força dominante (touros ou ursos) e as possíveis oportunidades de negócio.

Sugestão de leitura: Artigos disponíveis no menu lateral direito deste blog.

Obrigado e sucesso!

17.06.2007 | 21:47

IBOV

Publicado na(s) categoria(s) Ibovespa, por Dalton Vieira

Touros no controle da situação…

Após os touros (compradores) retomarem o controle da situação na quarta-feira (13/06), conforme descrito na análise anterior, ocorreu o rompimento do topo histórico (53.422 pontos). No gráfico Semanal (figura ao lado) após duas semanas testando os suportes em 52.077 e 51.616 pontos, houve um excelente fechamento (54.518) acima da resistência propocionada pelas máximas dos dois candles anteriores (linha vermelha).

Na sexta-feira (15/06) o IBOV fez uma nova máxima em relação ao dia anterior, porém o indicador Clímax do Ibovespa não fez o mesmo. Devido a esta divergência e a região sobrecomprada em que está o Clímax (70%), como mostra a figura ao lado, a minha estratégia para uma possível compra nesta semana é:

1. Aguardar uma retração do Clímax preferencialmente para região de 0%;

2. Aguardar uma possível retração do IBOV em 53.723, mínima e abertura do dia 15/06, ou até 53.422 pontos que foi a resistência superada na quinta-feira e que pode se torna suporte para prováveis compras. Abaixo a figura do gráfico Diário;


3. Após ocorrer uma destas situações supracitadas, o próximo passo é rastrear uma ação que esteja com um sinal de compra em um bom suporte.

Caso identifique alguma oportunidade de compra dentro da estratégia descrita nos itens acima, publicarei aqui a análise gráfica da ação em “foco”.

O importante é extrair informações do mercado e verificar quem controla a situação – se os touros ou os ursos. É preciso medir a força do grupo dominante e determinar a probabilidade de permanência da tendência vigente.” Texto extraído do excelente livro do Alexander Elder: Como se transformar em um operador e investidor de sucesso.

Obrigado e bons negócios!

 Página 553 de 554  « Primeira  ... « 551  552  553  554 »