Pular a navegação e ir direto para o conteúdo


Blog

03.04.2010 | 15:59

Desdobramento de ações

Publicado na(s) categoria(s) Aprendizado, Artigos, por Dalton Vieira

Buscarei neste artigo explicar o que é desdobramento de ações, visando responder alguns e-mails que recebi recentemente sobre a CSNA3. Exemplo abaixo de um deles:

“o que houve com as ações da CSN, que saíram de 62 para 35 reais?

Isso afeta de alguma maneira o papel?”

No dia 25/3 as ações ordinárias da CSN (CSNA3) sofreram um desdobramento (split) de 100%, conforme registrado no site da BM&FBovespa e exibido na imagem abaixo.
CSNA3 - Desdobramento (Split)

O que é o Desdobramento?

Um dos significados de desdobrar no dicionário é “dividir em duas ou mais partes”. No mercado de ações não é diferente, o desdobramento basicamente é dividir uma ação em mais, gerando assim seus “filhotes”. Portanto, uma empresa que desdobra suas ações multiplica o total de ações em circulação no mercado, mas sem aumentar o seu capital social.

Desta forma, há uma redução proporcional ao desdobramento no preço da ação. Para ficar mais claro vamos ao exemplo da CSNA3: desdobramento de 100%. Neste caso, para cada ação que o investidor tiver em custódia passará a ter mais uma, ou seja, multiplicará por 2 o número de ações que possui. Quem tinha 100 passou a ter 200 ações.

No exemplo acima o número de ações da Siderurgia Nacional em circulação na BM&FBovespa dobrou. Como não houve um aumento no capital social da empresa, é necessário reduzir o valor das suas cotações proporcionalmente: dividir por 2 (metade). A CSNA3 que valia 68,50 no fechamento do dia 25/3 passou a valer 34,25. No final o investidor terá mais ações, mas permanecerá com o mesmo valor investido.

Veja na figura abaixo quantas ações você teria e qual valor de cada se o desdobramento fosse outro.
Desdobramentos

“Isso afeta de alguma maneira o papel?”

Geralmente afeta de forma positiva, pois com este procedimento a empresa aumenta a liquidez de suas ações, mesmo que não seja significativamente. Imagine que antes para comprar um lote de CSNA3 a 68,50 você teria que desembolsar R$ 6.850,00. Agora será possível comprar o mesmo lote por R$ 3.425,00, não considerando as atuais oscilações do preço da ação. Portanto, um maior número de investidores com menor capital poderá comprar o lote padrão das ações ordinárias da Siderurgia Nacional.

50 Comentários

Assine os feeds dos comentários deste post

  1. Antonio Arauj disse:

    È por essas e outras coisas que acesso todos os dias o Daltonvieira.com.br!!!!!!!!!!!

  2. Delci Jr disse:

    Ótimo, Dalton.

    Eu não fazia idéia, rsrs

    abraço

  3. Érica Porfirio disse:

    Deveria ter sido um desdobramento de 300%!! hahaha

    Muito bom o artigo!

    Abraços!

  4. Dalton Vieira disse:

    Olá Erica, Antonio e Delci,

    Muito obrigado pelos comentários e elogios.

    Grande abraço.

  5. dalleth disse:

    muito bom… assim da para entender bem de aconomia

  6. Dalton Vieira disse:

    Olá Dalleth,

    Muito obrigado pelo elogio. Espero sempre vê-lo por aqui.

    Grande abraço.

  7. Juliana disse:

    Parabéns pela iniciativa de levar conhecimento gratuito aos que se interessam pelo assunto. Ficou bem esclarecido o que é um desdobramento de ações, mas gostaria de fazer algumas perguntas.(É que vi o que aconteceu com a csn, e fiquei sem saber o que estava acontecendo.) Sempre que há uma queda brusca no preço de determinada ação, sem motivo óbvio, é um desdobramento? Existe algum aviso prévio de que isso acontecerá ? Muito obrigada!

  8. Dalton Vieira disse:

    Olá Juliana,

    Obrigado pelos parabéns! É realmente um grande prazer colaborar com os demais investidores do mercado de ações.

    Respondendo sua pergunta: Uma queda brusca não é somente porque houve desdobramento. Para isto é importante verificar no próprio site da BM&F Bovespa se houve algum evento corporativo que ocasionou uma mudança no preço da ação.

    Para facilitar decidi produzir um pequeno vídeo mostrando onde encontrar os eventos corporativos de uma empresa (ação) no site da BMF Bovespa.

    Link: http://www.daltonvieira.com/videos/htm/eventos.htm

    Grande abraço.

  9. Expedito Junior disse:

    Os acionistas pagam algum tipo de taxa administrativa na ocorrência do desdobramento de ações

  10. Dalton Vieira disse:

    Olá Expedito,

    Não há custos para o acionista nos desdobramentos de ações.

    Grande abraço.

  11. Marcus Miranda disse:

    Caro Dalton descobri seu blog a uns dias. Confesso que nunca vi coisas tão bem explicadas como neste blog sobre análise técnica.Solicito de vc uma abordagem sobre Fibonacci.Nunca entendi esse assunto.
    Valeu.

  12. Dalton Vieira disse:

    Olá Marcus,

    Buscarei atender o seu pedido produzindo um artigo de aprendizado sobre o Fibonacci.

    Muito obrigado pelo feedback. Espero sempre vê-lo por aqui.

    Grande abraço.

  13. Abilio Cesara da Silva Nascimento Moura disse:

    DALTON, BOA NOITE

    PELO FALECIMENTO DE MEU PAI, DEIXOU 1.200 AÇÕES ON DA CSN, COM OS FILHOTES SOMARAN-SE 2.400.

    FOI FEITO A PARTILHA PARA 4 HERDEIROS NO CARTÓRIO, FORAM PAGOS OS IMPOSTOS, TUDO CERTINHO, FOMOS AO BANCO ITAU, AG. BOA VISTA – sp ONDE ESTÃO CUSTODIADAS AS AÇÕES, LEVA-MOS TODA DOCUMENTAÇÃO DA PARTILHA NO DIA 20/05/2010, FALARAM QUE EM ATÉ 15 DIAS RECEBERIA-MOS UMA CORRESPONDENCIA PARA CADA HERDEIRO, QUE AS AÇÇÕES ESTARIAM A DISPOSIÇÃO PARA CADA UM, FZER O QUE QUISER, MAS ATÉ ESTA DATA NADA RECEBEMOS.
    PERGUNTO É CERTO ESSA DEMORA?
    SERÁ QUE PODERIA IR NOVAMENTE NA AGÊNCIA E CONVERSAR COM QUEM ME ATENDEU?
    E O MAIS IMPORTANTE, PERGUNTO… O QUE É MELHOR, GUARDAR OU VENDER AS AÇÕES, QUAL O FUTURO DO MERCADO.

    AGRADEÇO VOSSA ATENÇÃO

    ATENCIOSAMENTE
    ABILIO CESAR MOURA

  14. Dalton Vieira disse:

    Olá Abilio,

    Em primeiro lugar meus sentimentos. Em segundo recomendo procurar quem lhe atendeu no Itaú para obter alguma informação a respeito, até por se tratar de uma instituição de credibilidade no Brasil.

    Outra opção, caso não consiga a informação que deseja através do Itaú, é entrar em contato com o Ombudsman da BMF Bovespa, buscando informações dos procedimentos a serem tomados nesta situação. O telefone de contato é 0800-770-0149.

    Em relação a CSNA3 vejo uma chance deste ativo retomar a sua tendência de alta e voltar a se valorizar em busca dos 30,00, logo nesta situação manteria um pouco mais estas ações.

    Grande abraço e sucesso!

  15. Milton Barbosa disse:

    Alguém teria um histórico sobre o desdobramento de ações do banco do brasil desde o início do século passado?

  16. Dalton Vieira disse:

    Olá Milton,

    Infelizmente não tenho. Já tentou entrar em contato com a BM&F Bovespa?

    Grande abraço.

  17. Simone Pacher disse:

    Prezado Dalton,
    Com relação ao desdobramento de ações, gostaria de saber como lançar no livro registro de ações da Companhia, caso o desdobramento venha a ocorrer antes da abertura de capital da Companhia.
    Agradeço a atenção,
    Simone

  18. Dalton Vieira disse:

    Olá Simone,

    Infelizmente neste momento não sei os procedimentos para realizar o que deseja.

    Grande abraço.

  19. Anderson Pires disse:

    “Site adicionado em meus favoritos”

  20. Dalton Vieira disse:

    Olá Anderson,

    Obrigado por passar a acompanhar o site. Espero sempre vê-lo por aqui.

    Grande abraço.

  21. Cristiane Predebon disse:

    A simplicidade da explicação é de muito bom gosdo do blogueiro. Acredito que dessa forma nós brasileiros teremos gosto em entender sobre o mercado financeiro.
    Obrigada, me ajudou muito.

  22. Dalton Vieira disse:

    Olá Cristiane,

    Agradeço o elogio. Buscarei compartilhar com todos mais e mais conteúdo de aprendizado aqui no site.

    Muito obrigado por nos prestigiar com seu acesso diário!

    Um ótimo final de semana. Grande abraço.

  23. Ricardo Bassi disse:

    Olá Dalton,
    Primeiro quero dar-lhe os parabéns por sua iniciativa em ajudar os “leigos”. Isso gera muito conforto aos que necessitam de ajuda e só acham através do desembolso de alguma coisa.
    Deixa eu ver se entendi: quem tinha um lote de 6.219 ações da CSN, no dia 25/03/2010 passou a ter 12.438 ações. Correto? Mas o que ainda tenho dúvida é como chegar ao valor total dessas ações hoje. Quanto valeriam, hoje, essas ações. Preciso dessa informação para calcular um imposto “causa mortis”. Pode me ajudar? Desde já agradeço e desejo muito sucusso para você.
    Ricardo

  24. Dalton Vieira disse:

    Olá Ricardo,

    Muito obrigado pelos parabéns! Realmente é um grande prazer compartilhar conhecimento.

    Sobre sua pergunta, correto! Para chegar no valor total destas ações hoje é necessário multiplicar 12.438 pelo valor atual da CSNA3. Levando em consideração o fechamento do pregão anterior, dia 15, teríamos R$ 27,27 x 12.438 ações = R$ 339.184,26.

    Espero sempre vê-lo por aqui. Grande abraço!

  25. joão paulo disse:

    Dalton, Boa tarde! li o artigo sobre desdobramento e para mim é claro que o preço mais abaixo se torna atrativo para o novo, e o velho investidor mas me surgiu a seguinte dúvida:

    Um desdobramento 1 para 2, dobra a quantidade de ações disponiveis ao mercado, isso não seria ruim já que teriamos mais ações em circulação?

    Grato!

  26. Dalton Vieira disse:

    Olá João Paulo,

    Uma quantidade maior de ações traz a chance de ter um maior número de detentores – investidores com a ação em custódia, o que tende a tornar o ativo mais líquido.

    Portanto, considero um ponto positivo, pois quanto maior for a liquidez de um ativo maior será a sua chance de converter a ação em dinheiro praticamente sem perda de valor.

    Grande abraço.

  27. jose altino disse:

    Olá Dalton,
    Quero dar-lhe os parabens por nao ser uma pessoa egoista que quer as coisas só para se.

    Me esplique sobre o banco da amazonia (baza3), qual o futuro dele e a que prazo, pois esta estacionado, nao tendo nem mesmo movimento.

    Devo investir no mesmo ou não.

  28. Dalton Vieira disse:

    Olá José Altino,

    Muito obrigado pelos parabéns.

    Sinceramente não tenho a mínima ideia do futuro do ativo BAZA3. Ação de baixa liquidez que dificulta qualquer análise técnica a respeito. Eu costumo ficar longe de papéis deste tipo.

    Grande abraço.

  29. Henrique disse:

    Dalton, boa noite.

    Parabéns pela iniciativa, você demonstra ser uma boa pessoa. Qual a sua recomendação para iniciantes na bolsa, deve-se se investir em quantas empresas? Qual o lote ideal? Qual a frequencia de consulta desta ações?
    Grande Abraço e continuado sucesso.

  30. Dalton Vieira disse:

    Olá Henrique,

    Muito obrigado pelas congratulações. As respostas para suas perguntas depende essencialmente do capital disponível para o investimento em ações.

    Por exemplo, um investidor com um capital de 100.000,00 recomendaria dividir as operações em no máximo 6 ações, alocando para cada uma 16,67% do capital. Capital menor não dá para dividir tanto assim devido ao custo operacional, visto que afeta um pouco mais a rentabilidade das operações.

    A frequência dependerá do tempo disponível de cada investidor. Para quem não tem muito tempo, recomendo no mínimo uma avaliação a cada semana (no final de semana). O ideal seria dar uma olhada diariamente ao final de cada pregão.

    Grande abraço.

  31. João Bosco Guimarães dos Santos disse:

    Olá Dalton,

    Parabéns pelo belo trabalho.
    A minha dúvida é a seguinte: Quando há um desdobramento é necessário algum prazo para que se possa negociar as ações? Um amigo possuidor das ações MNDL4 (Mundial) que teve desdobramento no dia 30/05 ficou impossibilitado de vendê-las. Apenas em d+3 poderia realizar a operação. Procede ?
    Grato
    Bosco

  32. Dalton Vieira disse:

    Olá João Bosco,

    Procede, é o mesmo prazo de liquidação de uma operação de compra ou venda (D + 3).

    Grande abraço.

  33. Dalton Vieira disse:

    Olá João Bosco,

    Apenas complementando, para negociar as novas ações que você vai ter em D+3 após o desdobramento será necessário fazer isso pela mesa de operações da corretora.

    Para realizar negociá-las pelo Home Broker será necessário aguardar a CBLC creditar as novas ações na sua conta em D+3.

    Grande abraço.

  34. sayonara disse:

    Oi Dalton,
    Boa Tarde…
    Sera que poderia me ajudar….Eu tinha uma acao da Ambev no banco itau,quando quiz vender fui informada que o bradesco teria comprado a custodia das acoes da ambev.Bem fui no bradesco e fui imformada que que uma acao teria sido desdobrada em cinco..Sera que voce poderia me ajudar me informado o valor real dessa acao para venda.
    obrigado…
    Obs.Voce e muito bom no que faz e explica tudo muito bem.Parabens.

  35. Dalton Vieira disse:

    Olá Sayonara,

    Respondi seu comentário por e-mail. Obrigado pelos elogios e parabéns.

    Grande abraço.

  36. Bruguera Simens disse:

    Dalton, Boa Tarde!!!

    Meu Pai adquiriu em 1983 4.500 ações (ON e PN) do Unibanco. Agora veio a falecer e “descobrimos” as ações que pretendemos vender. Lendo sua coluna fiquei sabendo da existência do agrupamento e desdobramentos em ações. Como posso saber a quantidade exata e o valor de venda? No site do Itau tem um programa que informado o nº de ações ele calcula os JCP e dividendos, mas não traz nada de venda das mesmas. Outra coisa sei que o meu Pai não recebeu os JCP e dividendos, ainda podemos recebê-los? Solicito sua ajuda.

    Forte abraço e parabéns.

  37. Dalton Vieira disse:

    Olá Bruguera,

    Infelizmente não tenho as informações históricas dos ajustes nas ações do Unibanco. Logo, não tenho como realizar cálculos a respeito.

    Você pode entrar em contato com a BM&FBovespa (Ombudsman) para tentar obter as informações que deseja.

    Grande abraço.

  38. Leonardo disse:

    Boa noite Dalton.
    Inicialmente, parabéns pelas explicações, muito úteis sobre um assunto pouco abordado.
    Tenho a seguinte dúvida: Comprei em 2010 1.000 ações LLXL3, por R$ 9,50. No final do ano, houve uma cisão parcial, de forma que o valor da ação caiu pela metade e recebi 1.000 ações de PORTX3. Posteriormente, houve uma oferta de troca das PORTX3, por MMXM3 e MMXM11, que aceitei. Hoje, como contabilizaria, para fins de IR (lucro/prejuízo), a venda de todas essas ações (LLXL3, MMXM3, MMXM11)? Enfim, quais são os preços de compra e venda?
    Desde já agradeço !

  39. Dalton Vieira disse:

    Olá Leonardo,

    Para efeito de recolhimento de IR, basta verificar o saldo final da operação. Exemplo: Você investiu R$9.500,00. Suponhamos agora que você resolva vender todas as ações que tem da LLXL3, MMXM3 e MMXM11. Caso o somatório destas vendas seja superior a R$9.500,00 você terá obtido lucro. Neste caso será necessário recolher o imposto se o somatório de todas as vendas realizadas neste mês for superior a R$20.000,00. Caso contrário, você estará isento.

    Grande abraço.

  40. Leonardo disse:

    Prezado Dalton,
    Desculpe, mas continuo confuso, caso venda cada ação aos poucos e em meses distintos, pois hoje cada uma tem um valor (LLXL3, MMXM3, MMXM11). No dia da cisão parcial, a LLXL3 abriu a R$ 8,10, perdeu 40,7%, fechando a R$ 4,59. Nesse mesmo dia, a PRTX3 estreiou a R$ 0,43 e fechou a R$ 3,90. Na troca de PRTX3 pelas MMXM3 e MMXM11 foi gerada nota de corretagem, de forma que cada PRTX3 custou R$ 3,56.

  41. Dalton Vieira disse:

    Olá Leonardo,

    No meu entender ao vender as 1.000 ações da LLXL3 você terá um prejuízo (diferença entre desembolso da compra e valor recebido na venda, menos os custos operacionais), já que o valor atual é bem inferior ao da sua compra após o evento corporativo.

    A vender a PRTX3, o que aconteceu recentemente, será contabilizado como lucro toda a operações menos os custos operacionais, isto porque você recebeu os papéis sem ter um desembolso.

    No caso da MMXM3 e MMXM11 deve ter havido a nota de corretagem de compra. Logo, ao vendê-las você verificará se o resultado final da operação em cada uma delas foi positivo para haver o recolhimento do imposto.

    Lembre-se que não será necessário recolhimento caso o volume de vendas no mês não supere os R$20.000,00. Além disso, o prejuízo da LLXL3 poderá ser compensado nos lucros seguintes.

    Grande abraço.

  42. Emanuel disse:

    deixa eu ver se entendi,exemplo: ha um nervosismo no mercado e as ações de determinada companha X chegou a valer 50% do valor inicial, então na pratica a companhia estaria valendo apenas a metade de seu valor inicial e o investidor que comprou ações teria um prejuízo pois o papeis caíram pela metade. ai vem o desdobramento de ações o investidor que perderia a metade de seu valor investido passou a ter o mesmo valor pois as ações dobradas recuperaram a perda e empresa também volta a ter seu valor inicial pois aumentou o numero de ações com o desdobramento. e se as ações votarem ao preço de antes a empresa e os investidores teriam lucro pois agora os papeis valem o mesmo valor de antes mas em dobro?

  43. Dalton Vieira disse:

    Olá Emanuel,

    O desdobramento não altera a posição financeira do investidor em determinado ativo. Logo, não há prejuízo para o investidor. O valor da ação cai após o desdobramento, mas a sua posição em ações aumenta, compensando assim a redução do valor.

    O evento que faz aumentar o preço da ação e reduzir o número de ações em circulação é o grupamento. O desdobramento é o inverso.

    Grande abraço.

  44. Edson Bayer disse:

    Dalton, boa tarde.

    Preciso das atas das AGE’s do Banco do Brasil: 24/04/1988, 19/04/1989, 12/11/1991 e 30/12/1992. Deliberam sobre desdobramentos na época, e onde posso encontrar, já que no site do BB há somente após 1996.

  45. Dalton Vieira disse:

    Olá Edson,

    Infelizmente não tenho esta informação. Seria interessante entrar em contato com o Ombudsman da BM&FBovespa para ver se consegue o que deseja.

    Grande abraço.

  46. adriana Strasburg disse:

    Olá, gostaria de saber se as ações filhotes são partilhadas em caso de separação judicial, se as ações “mães” eram de apenas um dos cônjuges. Obrigada.

  47. Dalton Vieira disse:

    Olá Adriana,

    Sobre a questão da separação judicial, infelizmente não sou especialista no assunto. Teria que avaliar o regime de bens optado no casamento. O fato é que se o casal detinha 1.000 ações de uma empresa (ex. 500 ações para cada um) e após um desdobramento passou a ter 2.000 ações, cada um continuaria tendo 50% da quantidade total. É importante ressaltar que o valor financeiro não sobre alteração, pois apesar do aumento do número de ações há uma redução proporcional no preço do ativo.

    Grande abraço.

  48. Bruno Almeida disse:

    Oi Dalton, parabéns pelo site, excelente!
    Vi o seu vídeo informando onde encontrar, no site da Bovespa, as informações sobre desdobramentos, agrupamentos, dividendos, etc., acontecidos para cada ativo. A minha necessidade, porém, é um pouco diferente, eu preciso saber essas mesmas informações mas por pregão. Explicando melhor, para cada pregão preciso da relação dos papéis para os quais aconteceram fatos como esses, com todas as informações necessárias ao ajuste dos valores anteriores.
    No site da Bovespa (ou em outro qualquer) existe alguma página com esses dados?
    Obrigado pela atenção,
    Bruno Almeida

  49. Dalton Vieira disse:

    Olá Bruno,

    Para o que deseja recomendo entrar em contato com a BM&FBovespa para verificar se eles fornecem os dados que precisa. Link: http://www.bmfbovespa.com.br/Contato/Contatos.aspx?idioma=pt-br.

    Muito obrigado pelas congratulações. Grande abraço!

  50. claudio disse:

    Dalton as ações da direcional e da vivo tiveram desdobramento de 2006 ate hoje se não quem investiu nisso se lasco

Deixe seu comentário

  • Para sua imagem aparecer ao lado de seu nome nos comentários, cadastre-se no Gravatar usando o mesmo e-mail com o qual comentou.
  • Para pedidos de parceria utilize o formulário de contato.
  • Comentários que deixam a impressão de divulgação de outro site através do fornecimento de links serão excluídos.