Pular a navegação e ir direto para o conteúdo


Blog

22.01.2008 | 23:50

FED – Bernanke aciona o plano "B"

Publicado na(s) categoria(s) Ibovespa, por Dalton Vieira

No meio da semana passada Ben Bernanke, chairman do FED, acionou o plano “A” ao solicitar um pacote econômico rápido ao governo norte-americano. Em uma tentativa de ajudar a economia dos EUA e acalmar o mercado financeiro, Bush divulga o pacote na sexta-feira (18). Porém o tiro saiu pela culatra, as bolsas de valores dos EUA deram continuidade ao movimento de baixa registrando 4a queda consecutiva.

Para piorar os mercados na segunda-feira (21) despencaram, com exceção das bolsas de valores americanas que estavam fechadas devido ao feriado. Mais um sinal de que o tiro saiu pela culatra, ou seja, não agradou os investidores. Eis que entra em ação surpresa (extraordinária) o FED e aciona o plano “B” – corte da taxa de juros em 0,75 ponto percentual, deixando-a em 3,5%.

Fed corta juro dos EUA em ação emergencial

WASHINGTON (Reuters) – O Federal Reserve reduziu nesta terça-feira a taxa básica de juros dos Estados Unidos em 0,75 ponto percentual, o maior corte em mais de 23 anos, numa ação emergencial para sustentar a economia.

“É obviamente uma surpresa, mas parece que os mercados não podiam esperar o prometido corte do juro no final do mês e nem mesmo o Fed, dado o comportamento dos mercados nos últimos dias”, afirmou Kevin Logan, economista do Dresdner Kleinwort Wasserstein, em Nova York.

Este segundo “tiro” surtiu efeito em alguns mercados, como por exemplo na Inglaterra (FTSE 100) que fechou em alta de 2,9%. Por aqui o efeito inicial também foi bom com o índice Bovespa fechando o dia em alta expressiva de 4,45%, recuperando 2.300 dos 3.800 pontos da queda do dia anteiror (21). Por outro lado, as bolsas de valores nos EUA fecharam o dia em baixa.

O candle de alta desta terça-feira (22) aliado ao excelente volume financeiro aumenta a probabilidade de ocorrer o teste da resistência em 57.503 pontos, proporcionada pela máxima do dia 21. Após esta resistência há outras importantes. São elas:

  • 58.095 – mínima do dia 27/11;
  • 59.019 – média móvel de 13 períodos;
  • 59.414 – mínima do dia 18/12; e
  • 60.091 – mínima do dia 07/01.

É importante observar o comportamento do Ibovespa nesta zona de resistências, visando avaliar a disposição dos touros (compradores) no terreno dos ursos (vendedores). A atenção é válida principalmente para os investidores que entraram em compras de curtíssimo prazo, conforme mencionado em Oportunidades na análise anterior, pois nesta região pode surgir um novo sinal de baixa (o chamado “bater em retirada”).

Até breve!

Deixe seu comentário

  • Para sua imagem aparecer ao lado de seu nome nos comentários, cadastre-se no Gravatar usando o mesmo e-mail com o qual comentou.
  • Para pedidos de parceria utilize o formulário de contato.
  • Comentários que deixam a impressão de divulgação de outro site através do fornecimento de links serão excluídos.