Pular a navegação e ir direto para o conteúdo


Blog

30.05.2008 | 1:58

IBOV – Fitch e Commodities em destaque

Publicado na(s) categoria(s) Bradesco, Fluxo dos Investidores, Ibovespa, Itau Unibanco, Mercado, por Dalton Vieira

Conforme o mercado já havia anunciado (precificado) na quarta-feira (28) através da alta do IBOV de 3,04%, a agência de classificação de risco Fitch Ratings confirmou a elevação do rating soberano do Brasil para a faixa considerada de baixo risco de crédito (grau de investimento). Mesmo após esta ótima notícia o Ibovespa, que chegou a fazer nova máxima histórica (73.920 pontos), reverteu em poucos minutos a euforia e fechou o dia em baixa de 1,85%.

Se a notícia é boa qual o motivo da queda? Ao meu ver há dois motivos:

Precificação

O primeiro é que o mercado, mais especificamente o big money, já havia precificado esta notícia. Basta olhar o saldo dos investidores estrangeiros (SIE) para se ter uma idéia. Observe no gráfico abaixo como esta categoria de investidor antecipava a notícia do dia 30/04 (grau de investimento) comprando mais do que vendendo desde o dia 24/03. Após a primeira notícia continuaram na ponta compradora antecipando a notícia de hoje (29).

Gráfico da Evolução Diária do SIE e Ibovespa em 2008


Note no gráfico acima que quando o IBOV chegou aos 73.000 os estrangeiros passaram a realizar o “pequeno” lucro acumulado neste período de alta. Portanto, no primeiro motivo apresentado temos uma bela realização de lucros.

Commodities

No segundo motivo da queda temos a forte queda das commodities, incluindo o barril do petróleo (WTC). Este fato afeta fortemente as principais ações do índice Bovespa, nada mais nada menos do que Petrobrás, Vale, Usiminas, Grupo Gerdau, Siderurgia Nacional, dentre outras. Só este grupo de ações representa mais de 40% do índice.

A seguir os gráficos do principal índice das commodities (CRB) e do barril do petróleo (WTC). Observe o último candle. O índice CRB inclusive fechou abaixo de um suporte importante, quebrando a seqüência de topos e fundos ascendentes.

Índice CRB

Barril do Petróleo – WTC

Alguns resultados do dia: PETR3 -4,1%, PETR4 -3,24%, VALE3 -4,74%, VALE5 -4,3%, USIM5 -2,25%, CSNA3 -3,65%, GGBR4 -3,98%. Não foi por acaso que Ibovespa encerrou pregão registrando a maior baixa do mês de maio (1,85%).

Ibovespa

Na leitura do gráfico diário (figura ao lado) do Ibovespa temos o teste da máxima histórica e a forte ação dos ursos (vendedores) nesta região. O OBV não confirmou esta nova máxima do IBOV, ou seja, não fez o mesmo (divergência de baixa). O candle de hoje (29) indica uma maior probabilidade de ocorrer o teste dos seguintes suportes:

  • média móvel exponencial de 13 dias;
  • 70.733 – mínima do dia 28; e
  • 70.334 – mínima do dia 27 (fundo).

Um fechamento abaixo destes suportes poderá sinalizar uma correção maior do movimento de alta de praticamente 10.000 pontos (em torno de 15,55% em 13 dias).

Operações BBDC4 e ITAU4

Por enquanto sem alterações em relação ao apresentado na análise anterior. As duas se aproximaram de resistências importantes e reverteram a alta do dia. Vamos observar como fechará a semana.

Até breve!

2 Comentários

Assine os feeds dos comentários deste post

  1. Anonymous disse:

    Dalton,

    Tu sabe quanto saíra o relatório da agência Moody’s sobre o grau de investimento do Brasil? Se eu não me engano, já saiu e eles não modificaram o grau. Se for esse o caso, quando eles iram divulgar o próximo?

    A me lembrei do que eu queria falar. Você viu o discurso do lula em uma conferência na América Central. Ele falou que o Brasil pode será a terceira maior reserva de petróleo do mundo, e ainda quer barganhar um espaço na OPEP. Não sei se devo disconfiar das palavras de um presidente-metalurgico, mas acredito que, sendo de uma figura de tamanha importância, para ele divulgar em público uma informação destas, só alguem que sabe muito, de confiança mesmo(de dentro da petrobras), para falar as informações para o presidente e o presidente reproduzir numa conferência no exterior.
    Ainda mais que a petrobras nesse ano teve duas vezes suas descobertas de campos antecipadas sem contar os roubos dos notebooks, ela já está com informações divulgadas antes do tempo.

    Falo tudo isso porque estava olhando em um forum sobre opções e algumas pessoas estavam dizendo que investidores ficaram ricos ,com a descoberta do poco Pão de Açucar. De uma hora para outra a opção que valia R$100,00 passou a valer R$1.000,00, isso condiz ou é verdade? A opção está diretamente ligada com alguma descoberta da empresa?

    Abraço.
    Sommacal.

  2. <b>Dalton Vieira</b> disse:

    Olá Sommacal,

    Até o presente momento não lhe dizer quando sairá o próximo relatório da agência Moody’s.

    No dia 06/05 a agência de classificação de risco Moody’s disse, em seu relatório anual sobre o país, que o Brasil necessita de finanças públicas mais fortes e um melhor perfil de sua dívida para alcançar o tão almejado grau de investimento (Fonte Reuters). Será que isso é um não? (risosss)

    Ao invés de debater ou comentar este fatos políticos que circundam a Petrobrás prefiro falar sobre o último parágrafo do seu comentário.

    Há investidores ficando ricos com opções? Pode até ser. No entanto, há um número muito maior de investidores que quebrou por exemplo lançando opções a descoberto.

    O valor prêmio de uma opção pode aumentar 10x o seu valor , por exemplo, em uma divulgação de uma descoberta da Petrobrás? Sim. A opção está diretamente ligada a uma ação (ex.: PETR4), ou seja, é um derivativo de uma ação. Então se o preço da ação aumenta, o valor prêmio das opções desta ação tendem a aumentar.

    Muito cuidado com este assunto. Procure primeiramente operar/investir de forma consistente no mercado acionário. Em seguida, dependendo do seu desempenho, procure estudar os derivativos.

    Tenha ótima semana.

    Grande abraço.
    Dalton Vieira

Deixe seu comentário

  • Para sua imagem aparecer ao lado de seu nome nos comentários, cadastre-se no Gravatar usando o mesmo e-mail com o qual comentou.
  • Para pedidos de parceria utilize o formulário de contato.
  • Comentários que deixam a impressão de divulgação de outro site através do fornecimento de links serão excluídos.