Pular a navegação e ir direto para o conteúdo


Blog

13.02.2008 | 0:50

IBOV – Rompendo resistências

Publicado na(s) categoria(s) Ibovespa, por Dalton Vieira

Na segunda-feira (11) o Ibovespa rompeu a resistência proporcionada pela máxima do dia 07/02. Na análise semanal mencionei:

Um fechamento acima de 59.581 provavelmente impulsionará o IBOV a testar a resistência em 61.186.

Nesta terça-feira (12) ocorreu o teste das seguintes resistências:

  • 61.186 – máxima do dia 01/02;
  • Média móvel de 65 dias (MM65); e
  • 62.179 – máxima do dia 15/01.

Destas resistência o IBOV fechou acima das duas primeiras, o que aumenta a probabilidade de prosseguir o movimento de alta até a importante resistência em 63.614. No entanto, quais são os pontos contra esta continuidade de alta?

  1. Respeitou (não fechou acima) a resistência em 62.179;
  2. O candle do dia ficou com “pavio” grande na máxima, representando pressão vendedora neste ponto;
  3. O Clímax do Ibovespa, MAS e outros setores estão na região “sobrecomprada” (muito bem destaco pelo Filipe no comentário da análise anterior).
  4. Está em uma importante resistência do gráfico semanal em 62.536 pontos.

E os pontos positivos para a continuidade?

  1. Fechou acima das duas resistências supracitadas (61.186 e MM65);
  2. Volume financeiro alto no rompimento destas resistências;
  3. OBV (on balance volume) fazendo nova máxima;
  4. Saldo dos investidores estrangeiro positivo no mês de fevereiro;
  5. Alta do dia alinhada com as bolsas de valores pelo mundo;
  6. Os índices Dow Jones e S&P 500 (EUA) terminaram o pregão com uma reação dos touros (compradores) após a ação dos ursos (vendedores) na máxima do dia.

Perceba que há mais pontos positivos do que negativos, logo a maior probabilidade é a de continuar a alta. É importante apenas ficar atento (para os comprados no curto prazo), pois os pontos negativos tem um certo peso.


Dow e S&P fecham em alta por oferta de Buffett

NOVA YORK (Reuters) – Os índices Dow Jones e S&P fecharam em alta nesta terça-feira, após uma oferta do megainvestidor Warren Buffett de assegurar 800 bilhões de dólares em bônus de risco das três principais seguradoras de bônus ter aliviado preocupações sobre mais problemas com a crise do crédito.

“Quando você olha para o que Buffett vai fazer, ele não vai comprar a companhia, mas reassegurar o que está lá. Então isso não salva necessariamente a MBIA ou a Ambac, mas evita o aspecto negativo dos bônus”, disse Owen Fitzpatrick, do Deutsche Bank Private Wealth Management, em Nova York.

Será que os passos do Warren Buffett no mercado são monitorados? O livro que destaca a sua forma de agir no mercado é excelente (Mark Tier – Os Segredos de George Soros & Warren Buffett) – recomendo a leitura.

Até breve!

8 Comentários

Assine os feeds dos comentários deste post

  1. Wagner Reis disse:

    Poderia ter colocado o OBV tv e os outros graficos pra ficar mais claro, mais ta boa a analise

  2. <b>Dalton Vieira</b> disse:

    Olá Wagner,

    Obrigado pela sugestão. Lembrarei das próximas vezes.

    Grande abraço.
    Dalton Vieira

  3. Filipe disse:

    Olá de novo Dalton,

    estive olhando rapidamente a LAME4 hoje e achei interessante. Ela fez um engolfo de alta bem significativo e nesta semana já “engolfou” (hehehe) o corpo dos 4 candles anteriores, no gráfico semanal. Os dois últimos dias tiveram excelente volume, saindo de r$12,99 e fechando hoje em r$14,15! Ela tem uma resistência importante na casa dos r$14,80 (fibonacci) e r$15,00 (visual no semanal e diário). A MME13 esta inclinada para compra no diário e semanal esta diminuindo o ângulo de queda.
    Caso feche essa semana acima dos r$15 já confirma reversão de tendência de baixa no semanal e abre espaço de compra semana que vem? O que você acha dela?

    Abraços e ótima noite (ou dia, quando você ler esta mensagem, rsss)!
    Filipe

  4. <b>Dalton Vieira</b> disse:

    Olá Filipe,

    Você poderia informar qual foi o dia do engolfo de alta no diário? Primeiramente dá uma olhada neste padrão descrito lá no fórum, pois não há engolfo de alta no gráfico semanal.

    Ao meu ver a resistência mais importante está em torno dos $14,65, máxima de uma determinada semana que coincide com as duas médias móveis do gráfico semanal.

    Se houver um fechamento na sexta feira acima das resistências mencionadas, a estratégia de compra para a próxima semana seria aguardar um recuo próximo a MME13 no diário e na seqüência um ponto de entrada. O objetivo inicial seria a MM65 (em torno de $15,75).

    Obrigado pela constante participação.

    Grande abraço.
    Dalton Vieira

  5. Anonymous disse:

    Ola Dalton

    Gostaria de saber seu comentário sobre o papéis do governo chmados PIBB11 ,eu os comprei em out de 2005 e só tenho tido alegria quanto ao retorno do mesmo ,mas uma dúvida paira no ar:
    Ao perguntar ao meu banco sobre o indice diário não bater com o indice do papel na bolsa eles me dizem que é feito um cálculo de “valor médio” do PIBB11 e esse valor é o que fica valendo ,só que eu fazendo uma comparação com os dois valores os gráficos apresentam performaces diferentes e nas perdas o índice tem valor negativo cheio dando sinal que não existe cálculo de média nenhuma e eles embutem o valor de desvalorização total cheio.É correto o banco usar isso como valores médios ou é uma forma deles garfarem nosso lucro?

  6. <b>Dalton Vieira</b> disse:

    Olá,

    Desculpe-me, mas não entendi muito bem a sua dúvida.

    Índice diário não bater com o índice do papel na Bolsa? O que seria o índice diário e o índice do papel na bolsa (PIBB11)?

    Você investiu em um fundo ou comprou PIBB11 diretamente através de uma corretora? Pela sua descrição o banco está segurando a valorização e ampliando a queda. Você poderia citar um exemplo de quando isso ocorreu?

    Grande abraço.
    Dalton Vieira

  7. Anonymous disse:

    Ola Dalton

    Eu comprei um fundo PIBB2 pelo banco em 2005 na 2a. distribuição que houve do mesmo emoutubro de 2005 e não existe a descrição de valor médio aplicado aos juros da aplicação desse fundo.É possível
    que o banco invente esse valor médio e garfe uma parte dos lucros?

  8. <b>Dalton Vieira</b> disse:

    Olá,

    Desculpe-me mas realmente não possuo informações suficientes para lhe responder se o fundo PIBB2 deveria estar atrelado corretamente ao valor do papel PIBB11.

    O banco cumprirá o que está escrito no prospecto do fundo. Desta forma, não acredito que o mesmo “garfe” uma parte dos lucros. Avalie bem os custos do fundo e o de se investir diretamente no papel PIBB11 para verificar se o melhor não seria migrar para o PIBB11 através de uma corretora.

    Espero sempre vê-lo por aqui.

    Grande abraço.
    Dalton Vieira

Deixe seu comentário

  • Para sua imagem aparecer ao lado de seu nome nos comentários, cadastre-se no Gravatar usando o mesmo e-mail com o qual comentou.
  • Para pedidos de parceria utilize o formulário de contato.
  • Comentários que deixam a impressão de divulgação de outro site através do fornecimento de links serão excluídos.