Pular a navegação e ir direto para o conteúdo


Blog

25.07.2008 | 1:04

Ibovespa despenca após Copom e puxado pelas bolsas dos EUA

Publicado na(s) categoria(s) Ibovespa, Petrobras, por Dalton Vieira

Nesta quinta-feira (24) o mercado não digeriu bem a elevação da taxa de juros em 0,75%. O Ibovespa fechou o dia em forte queda de 3,34% em 57.434 pontos. O grande candle de baixa do dia fechou abaixo de 03 suportes importantes no gráfico diário (figura ao lado). São eles:

  • 58.827 – fechamento do dia 19/03.
  • 57.945 – mínima do dia 08/07.
  • 57.824 – mínima do dia 20/03.

Este fato aumenta a probabilidade do Ibovespa buscar a faixa dos 53.000 a 54.000 pontos no curto a médio prazo. Outro fator que pesou no dia para queda do Ibovespa foi o comportamento das bolsas americanas, que fecharam em baixa superior a 2%. Veja no gráfico abaixo do Dow Jones o sinal de baixa ao testar a importante resistência em torno de 11.600 pontos, antigo suporte.

Forte aumento nos pedidos de seguro-desemprego, queda nas vendas de casas usadas ao menor nível em uma década e resultados decepcionantes de empresas automobilísticas e do setor químico reavivaram os temores de que os efeitos da crise de crédito nos Estados Unidos vão se prolongar.
fonte: Reuters

Estratégia da Petrobrás PN (PETR4)

Aproveitando a estratégia operacional de compra da PETR4 comentada na análise anterior, colocarei aqui a simulação desta de acordo com o exemplo usado. A forte queda da PETR4 acionou duas compras:

  • a 1ª compra foi de 100 ações a $35,26
  • a 2ª compra foi de 200 ações a $34,70

Desta forma, no momento o investimento na PETR4 é de 300 ações a $34,88 (preço médio). O candle de baixa de hoje deu sinais de nova mínima para o próximo pregão (25), logo há a possibilidade da 3ª ordem de compra de 300 ações a $33,75 ser executada.

Outro suporte muito importante está em $33,10 (mínima do dia 21/01), neste patamar poderá ocorrer uma 4ª compra de 400 ações neste valor. Se todas as ordens forem executadas teremos 1.000 ações (10 lotes) a $33,83 (preço médio). Objetivo operacional continua sendo a média móvel de 13 períodos do gráfico diário, atualmente em torno dos $38,82.

Esta é a única estratégia operacional para compra da PETR4? Não. Para quem não tem disponibilidade de capital o ideal é aguardar um sinal de reversão após esta intensa queda.

Até breve!

4 Comentários

Assine os feeds dos comentários deste post

  1. Anonymous disse:

    Dalton,
    as análises de operações feitas por você estão focadas no curto prazo.
    E pensando a prazo mais longo (digamos 1 ano ou mais) seria recomendável investir com um IBOVESPA entre 53/54 mil pontos, acreditando numa expansão substancial do mercado nesse período?

    Grato

    Fabio

  2. Dalton Vieira disse:

    Olá Fábio,

    Acredito que se o Ibovespa chegar aos 53/54 mil pontos teremos boas oportunidades tanto de curto, como também de longo prazo. Não quer dizer que este será o “fundo” do Ibovespa.

    No entanto, ao meu ver o mais importante é estabelecer uma estratégia operacional. No caso do longo prazo, você pode comprar boas ações nesta região e se continuar caindo comprar mais na faixa dos 48 mil pontos. E assim sucessivamente.

    Eu tenho estratégias de longo prazo também, mas como o cenário aponta para uma queda maior das ações, por enquanto venho focando nas oportunidades de curto prazo.

    Grande abraço.
    Dalton Vieira

  3. Altemir Vidori disse:

    Tenho Vale e Petrobrás para longo prazo, mas estou perdendo mais de 20%.Quanto tempo ainda preciso manter sangue frio, para poder ver minhas ações novamanete a ter lucros, ou isso não ira acontecer mais. E aquele papo dos economistas que a Bolsa chegaria a 80.000 pontos. Não aguento mais ler previsões de economistas, não dizem nada, na verdade só comentam o que já ocorreu. Queria poder ler previsões mesmo que pessimistas. Obrigado. Altemir Vidori

  4. Dalton Vieira disse:

    Olá Altemir,

    Particularmente não sou muito fã de previsões, pois elas tendem a interferir na nossa decisão de investimento. Já não é simples prever o que vai ocorrer na próxima semana, imagina prever como estará o Ibovespa no final do ano (2008).

    Portanto, lhe dizer quando suas ações (Vale e Petrobrás) vão voltar a dar lucro seria uma chute. Agora, trabalhando com as probabilidades acredito que o mais provável no curtíssimo prazo seja uma correção (movimento de alta) da Petrobrás e Vale. O que poderia levar estas ações a testar os $40,00.

    No médio prazo a leitura que faço é que estas ações ainda poderão buscar valores mais baixos, após a correção comentada acima.

    Todas essas minhas perspectivas são baseadas na leitura do gráfico e do cenário macroeconômico. Logo, estas são reavaliadas a cada semana.

    Ao meu ver sugiro que você defina sua estratégia de investimento: curto, médio ou longo prazo. Após isso, planeje como será o seu próximo passo dentro do cenário atual. Para cada prazo há uma boa estratégia a ser traçada.

    Espero sempre vê-lo por aqui. Obrigado!

    Grande abraço.
    Dalton Vieira

Deixe seu comentário

  • Para sua imagem aparecer ao lado de seu nome nos comentários, cadastre-se no Gravatar usando o mesmo e-mail com o qual comentou.
  • Para pedidos de parceria utilize o formulário de contato.
  • Comentários que deixam a impressão de divulgação de outro site através do fornecimento de links serão excluídos.