Pular a navegação e ir direto para o conteúdo


Blog

10.09.2008 | 1:17

Ibovespa – Será que chega aos 45 mil pontos?

Publicado na(s) categoria(s) Ibovespa, Mercados hoje, por Dalton Vieira

O Ibovespa nesta terça-feira (9) despencou 4,5% e atingiu o suporte em 48.558 pontos, previamente comentado nas análises anteriores do IBOV, inclusive em vídeo. Hoje foi um daqueles dias em que você diz: “Ainda bem que o pregão fechou”. A figura ao lado traduz muito bem os últimos dias de pregão na Bovespa.

Nos EUA não foi diferente, as bolsas de valores despencaram devido principalmente ao medo de quebra dos bancos. O foco da vez foi o banco norte-americano Lehman Brothers. Os temores de insolvência deste banco trouxeram pessimismo ao mercado, afetando diretamente o desempenho dos principais índices. O Dow Jones registrou baixa de 2,43%, S&P500 3,41% e Nasdaq 2,64%.

A pergunta é: será que o Ibovespa chega até os 45 mil pontos antes de uma correção (movimento de alta)? Na minha opinião é o menos provável, mas não é impossível, principalmente se lembrarmos o dia (16/8/07) em que o índice chegou a estar em baixa de 8% no dia.

De qualquer forma, o que destaco é que o mercado como um todo encontra-se sobrevendido, abrindo uma série de oportunidades de curto-prazo. No gráfico semanal (figura ao lado) temos um grande movimento de baixa de praticamente 35% (25 mil pontos) em 16 semanas que chegou a uma importante região de suporte, que vai de 48.558 a 44.937 pontos.

No gráfico diário temos o suporte em 48.015 pontos, proporcionado pelo menor fechamento do fundo do dia 16/8/07 (fundo), que provavelmente será testado no próximo pregão (10). Este suporte praticamente coincide com a expansão de 161,8% do Fibonacci que está um pouco abaixo dos 48 mil pontos. Indicadores como o IFR (índice de força relativa), bollinger bands e o clímax do Ibovespa sinalizam uma possível reação ainda nesta semana. Seria bom se o início da reação fosse já no próximo pregão, concorda?

Continuo ressaltando que o momento é interessante para compras de curto prazo. Manter o controle emocional é fundamental para nos aproveitarmos das situações de “caos”, apesar de saber que não se trata de uma tarefa fácil. Ainda mais quando ouvimos aquela voz interna nos dizendo: “cai fora!”. Não é fácil, mas é necessário.

4 Comentários

Assine os feeds dos comentários deste post

  1. Renato disse:

    Diga Dalton, tudo bem ?

    Aproveitando sua excelente análise gráfica do ibovespa percebi um dado curioso aplicando Fibonatti:

    Entre 2000 e 2002, ibovespa saiu de 18mil para 8mil pontos, correção cerca de 55%. Se projetarmos hoje um fibo do topo em 74mil até 31mil pontos(local de um forte suporte) como 100% de retração, teremos praticamente os mesmos percentuais de correção ocorridos anteriormente. Engraçado né ?

    E justamente os 48mil pontos são suporte da retração 61,8% desta projeção.

    É apenas um dado que achei muito curioso e resolvi escrever.

    Abraço

  2. Oscar disse:

    Oi Dalton,

    Conversando com um amigo que trabalha numa grande mesa de ações,ele comentou que quando a bolsa estava em 73mil pontos tinha investidor se “estapeando” para comprar ações. Agora que a bolsa caiu para 48mil e começou a ficar barata tá todo mundo vendendo. Mais uma vez se confirma o comprar na alta e vender na baixa. A irracionalidade do mercado. Além das analises gráfica e fundamentalista o investidor não deve deixar de cuidar tb. do controle emocional, da disciplina e da paciência. Concordo com vc. que estamos num momento de compras progressivas, aproveitando os momentos de baixa.
    Abraço. Oscar.

  3. Dalton Vieira disse:

    Olá Renato,

    Muito bem observado, ainda há o suporte do Fibonacci nesta grande queda do Ibovespa, conforme havia destacado em uma das análises em vídeo do Ibovespa.

    Parabéns pela análise do Fibonacci e obrigado por compartilhá-la aqui no site. Fique à vontade para divulgar seus estudos técnicos por aqui.

    Muito obrigado por sua constante participação.

    Grande abraço.
    Dalton Vieira

  4. Dalton Vieira disse:

    Bom dia Oscar,

    Realmente é uma pena que isso ocorra com os investidores pessoa física. Nos estudos que realizei da correlação do fluxo dos investidores com o índice Bovespa, a categoria pessoa física tinha uma correlação bem negativa.

    Isto demonstra basicamente que os investidores pessoas físicas estão em boa parte das vezes na ponta errada do mercado.

    Realmente é fundamental o controle emocional, ter bastante disciplina e paciência para se obter bons resultados na bolsa.

    Obrigado pelo comentário e por compartilhar conosco a conversa com o seu amigo.

    Grande abraço.
    Dalton Vieira

Deixe seu comentário

  • Para sua imagem aparecer ao lado de seu nome nos comentários, cadastre-se no Gravatar usando o mesmo e-mail com o qual comentou.
  • Para pedidos de parceria utilize o formulário de contato.
  • Comentários que deixam a impressão de divulgação de outro site através do fornecimento de links serão excluídos.