Pular a navegação e ir direto para o conteúdo


Blog

31.01.2008 | 0:25

Investidores Estrangeiros – Redução nas vendas

Publicado na(s) categoria(s) Fluxo dos Investidores, Ibovespa, por Dalton Vieira

O saldo dos investidores estrangeiros (SIE) demonstrou uma desaceleração nas vendas. O SIE fechou a semana (21 a 24/01) novamente negativo em R$ 692,25 milhões, representando apenas 1/3 do volume de vendas da semana anterior (14 a 18/01). Observe no gráfico abaixo que esta redução gerou uma divergência de alta entre o SIE e o Ibovespa.


Este divergência de alta foi confirmada nos 03 primeiros dias desta semana com uma alta no IBOV de 4,92%, até esta quarta-feira (30). A quinta-feira (24) foi o segundo dia do mês de janeiro em que os investidores estrangeiros compraram mais do que venderam, o que fez reduzir o saldo negativo da semana.

Ibovespa – No embalo do FED

Nesta quarta-feira o FED reduziu em mais 0,5 ponto percentual a taxa de juros norte-americana. Este fato animou os investidores que através de uma forte pressão compradora revertaram a baixa do dia, fazendo com que o IBOV fechasse em alta de 1,28%. Agora há um ponto importante (suporte) para a avaliação deste movimento de alta do Ibovespa, que está entre o fechamento do dia 28 (58.593) e a mínima de hoje (58.751). Além destes pontos também há a média móvel de 13 dias.

Ponto negativo

Quando o Ibovespa fechou o pregão (30) as bolsas de valores nos EUA registravam alta. No entanto, na última hora o índice Dow Jones caiu mais de 200 pontos e fechou em baixa de 0,30%, mesmo após o novo corte da taxa de juros pelo FED. Este é um ponto negativo para o pregão desta quinta-feira (31) que fechará o mês de janeiro.

Fed reduz juro para abrandar desaceleração econômica

WASHINGTON (Reuters) – O Federal Reserve reduziu a taxa básica de juros dos Estados Unidos em 0,5 ponto percentual nesta quarta-feira, como parte de um esforço agressivo para conter a desaceleração aguda de uma economia atingida pela crise nos setores imobiliário e de crédito.

“A ação de hoje, combinada com as adotadas anteriormente, devem ajudar a promover um crescimento moderado com o passar do tempo e a mitigar os riscos para a atividade econômica. Entretanto, riscos de queda no crescimento permanecem”, relatou o Fed em um comunicado, deixando a porta aberta para futuros cortes na taxa.
Até breve!

Deixe seu comentário

  • Para sua imagem aparecer ao lado de seu nome nos comentários, cadastre-se no Gravatar usando o mesmo e-mail com o qual comentou.
  • Para pedidos de parceria utilize o formulário de contato.
  • Comentários que deixam a impressão de divulgação de outro site através do fornecimento de links serão excluídos.