Pular a navegação e ir direto para o conteúdo


Blog

03.06.2008 | 20:51

Queda pára nos 70.000 pontos

Publicado na(s) categoria(s) Fluxo dos Investidores, Ibovespa, Petrobras, Vale, por Dalton Vieira

O Ibovespa nesta terça-feira (03) fechou em forte baixa de 2,62%, a maior desvalorização desde o grau de investimento. A queda do dia parou na casa dos 70.000 pontos. Entretanto, o fechamento em 70.011 foi abaixo da região de suporte que vai de 70.992 a 70.334 pontos (fechamento e mínima do dia 27/05), o que sinaliza o provável teste do suporte na faixa dos 69.000 pontos.

A forte queda no preços da commodities ditou os negócios hoje (03) na Bovespa. Além disso, o receio de que os bancos norte-americanos apresentem novas perdas por causa da crise de crédito também colaborou para o desempenho ruim do IBOV. Para avaliar o impacto da queda nos preços da commodities basta olhar o resultado do dia das ações da Petrobrás e Vale, principais responsáveis pela baixa acentuada do índice.

  • PETR3 -5,05%
  • PETR4 -4,70%
  • VALE3 -3,57%
  • VALE5 -3,53%


PETR4

Após o grande candle de baixa de hoje, aumenta-se a probabilidade dos gaps de alta (suportes) em $47,12 (máxima do dia 15) e $46,05 (máxima do dia 12) serem fechados. Além destes suportes há também outro em $45,45 que é justamente o antigo topo histórico. Os suportes mencionados estão destacados no gráfico diário (figura acima)

Esta queda está ficando bem interessante para compra, principalmente se testar os $46,05. Além de ser uma região importante de suporte, a queda iniciada após o topo histórico ($53,68 – 21/05) será de aproximadamente 14,5%. Este percentual de queda já deixa os touros (compradores) bem animados para entrar em ação.

VALE5

A forte queda que desta ação parou no suporte ($52,05) proporcionado pelo topo do dia 27/02. A partir deste ponto há diversos suportes no gráfico diário. São eles:

  • 51,90 – máxima do dia 27/12/2007 (topo);
  • média móvel de 65 dias;
  • 50,05 – mínima do dia 25/04 (fundo);
  • 49,01 – mínima do dia 14/04 (fundo); e
  • 47,55 – máxima do dia 25/03 (gap de alta). Quando será que este gap será fechado?

Assim como a PETR4, se este ativo entrar na casa dos $50,00 teremos uma queda em torno de 14,6% a partir do topo histórico ($59,22) do dia 19/05. Enfim, abaixo dos 52,00 até os 50,00 os touros provavelmente entrarão em ação.

Saldo dos Investidores Estrangeiros (SIE)

Mais uma vez o SIE mostra a sua importância. Conforme destacado aqui no blog desde o dia 20/05 os estrangeiros passaram a vender mais do que comprar. O resultado desta pressão vendedora está agora muito bem representada pelo Ibovespa.

Daqui a pouco a Bovespa libera a participação dos investidores referente ao dia 30/05, o que pode nos mostrar um fechamento negativo em maio após estar positivo R$ 3,7 bilhões. Divulgarei esta informação mais tarde aqui no blog.

Até breve!

Deixe seu comentário

  • Para sua imagem aparecer ao lado de seu nome nos comentários, cadastre-se no Gravatar usando o mesmo e-mail com o qual comentou.
  • Para pedidos de parceria utilize o formulário de contato.
  • Comentários que deixam a impressão de divulgação de outro site através do fornecimento de links serão excluídos.