Pular a navegação e ir direto para o conteúdo


Blog

27.03.2009 | 17:00

Siderurgia Nacional ON (CSNA3) – De olho nos 35,00 (vídeo)

Publicado na(s) categoria(s) CSN, Vídeo Análises, por Dalton Vieira

A seguir a vídeo análise da CSNA3 após o pregão da quinta-feira, dia 26.
Nota: Para assistir ao vídeo clique na figura ao lado, aguarde o download na nova janela e depois clique no play. Pressione F11 (tela cheia do navegador) para assistir ao vídeo e repita o procedimento após o término do mesmo.

A seguir a análise da CSNA3 enviada pelo Fernando Maiola, por coincidência no mesmo dia em que estava gravando a vídeo análise do ativo. Muito obrigado Fernando.

A ação se encontra em um cenário de alta no curto prazo e em uma congestão um pouco indefinida desde que rompeu a LTB principal no dia 05 de janeiro. Durante a tendência de baixa que iniciou-se em junho de 2008, houve uma desvalorização de 75% no valor do ativo – uma depreciação causada pela queda na demanda pelos produtos da CSN e acentuada pela eclosão da crise financeira mundial que causou pânico nas bolsas.

O preço do ativo no fechamento de ontem (25 de março) foi de R$ 33,70, com um candle demonstrando grande volatilidade e indecisão (doji). Neste dia houve uma valorização de 0,77%, acompanhada de um alto volume financeiro (aproximadamente o dobro da média), o que aumentou a importância deste dia. Outro fator importante foi que a ação testou dois suportes fortíssimos e dois de intensidade média, tendo uma força compradora no final do pregão que não deixou que ela fechasse abaixo deles. Os suportes estão na proximidade dos R$ 32,00, sendo que os mais fortes são a EMA 13 e a SMA 65, enquanto os de importância média são a LTA de curto prazo e o valor de R$ 31,91 (aproximadamente a média da congestão atual, sendo antigo suporte que virou resistência – e que agora está voltando a ser suporte, pelo princípio da inversão de polaridade).

No curto a médio prazo podem ser citadas as resistências de R$ 35,45 e uma bastante importante em R$ 39,28. Além dos suportes citados, há outro no valor de R$ 29,43, que pode causar uma queda forte em busca dos R$ 25,85. A conjuntura analisada aponta para uma alta, mas indicadores técnicos aplicados no gráfico diário não dão tanta sustentação (apesar de positivos, emitem um alerta):

  • IFR em 62, com espaço para subir e com topos e fundos ascendentes, mas em região comprada;
  • OBV acumulando, rompeu pequena congestão, mas ainda longe de chegar no topo equivalente ao alcançado quando o preço fez o topo em R$ 39,28.

Um sinal gráfico de alta que costuma ser importante está sendo gerado nesses últimos dias, que é o cruzamento das médias móveis curta (EMA 13) e longa (SMA 65), e pode ser mais um fator apoiando a entrada na ação, mas correndo um certo risco e/ou talvez pensando num prazo um pouco mais longo.

Analisando-se o gráfico semanal, verifica-se a importância de a ação não fechar a semana abaixo de R$ 32,86 (não é um péssimo sinal, apenas não ajudaria como um fator de alta e faria o preço continuar em faixa de indefinição). Um ótimo sinal será a ação fechar a semana acima dos R$ 35,00, que é uma forte resistência do passado recente neste tempo gráfico.

Trades com compras sendo efetuadas agora podem resultar em lucros acima de 10% caso se chegue na resistência mais importante de curto a médio prazo citada. Pode-se considerar que compras neste momento são oportunas, porém é indispensável que haja uma boa estratégia operacional. Tal estratégia deve prever os possíveis cenários de alta e baixa, estabelecendo pontos de entrada e saída, e sempre deverá estar acompanhada de uma boa gestão de dinheiro – quanto mais capital você tiver disponível para esta operação, mais riscos pode correr ou mais estratégias pode pensar em utilizar (inclusive a de compras progressivas).

Atualização: hoje, dia 26 de março, o preço da ação fechou a R$ 34,30, que representa uma alta de 1,77%. O volume foi menor do que o de ontem, porém também foi acima da média, o que favorece os aspectos positivos da análise acima.

Deixe seu comentário

  • Para sua imagem aparecer ao lado de seu nome nos comentários, cadastre-se no Gravatar usando o mesmo e-mail com o qual comentou.
  • Para pedidos de parceria utilize o formulário de contato.
  • Comentários que deixam a impressão de divulgação de outro site através do fornecimento de links serão excluídos.