Pular a navegação e ir direto para o conteúdo


Blog

08.03.2017 | 16:44

Stops de oscilação e fechamento – Conheça as vantagens e desvantagens

Publicado na(s) categoria(s) Análise Técnica, Aprendizado, por Dalton Vieira

Olá amigos investidores, sejam muito bem-vindos a nossa sala de aprendizado. Explicarei neste vídeo quais são as principais vantagens e desvantagens do uso dos stops de oscilação e fechamento.

Stop de oscilação – Vantagens

Iniciarei pelo stop de oscilação. Qual é a sua principal vantagem? Correto, ter a possibilidade de automatizar o stop, ou seja, usar o Home Broker para cadastrar a ordem de stop loss após entrar na operação.

Esta é uma boa opção para o investidor que exerce outra atividade profissional durante o dia e não pode acompanhar o mercado no horário de pregão. Além disso, é útil também para o investidor que não é disciplinado o suficiente para assumir manualmente o prejuízo de uma operação malsucedida.

Por exemplo, você compra a PETR4 logo após a formação do fundo destacado no gráfico diário. Você então cadastra uma ordem de stop loss no seu Home Broker, logo abaixo dos R$18,62 – mínima do fundo que gerou a entrada. Portanto, caso o preço da ação comece a cair durante o dia e ultrapasse os R$18,62, sua posição será encerrada automaticamente sem a necessidade de estar com o Home Broker aberto.

Stop de oscilação – Desvantagens

E qual a desvantagem do stop de oscilação? A desvantagem está no chamado violino, termo muito usado entres os analistas. E qual o seu significado? Violino significa uma rápida oscilação do preço abaixo do ponto em que cadastrou a ordem de stop, a qual encerra a operação com prejuízo, e logo em seguida o preço volta a subir e atinge o objetivo de lucro da operação.

Para um melhor entendimento vamos a um exemplo prático usando o gráfico diário da GGBR4. Você comprou este ativo a R$26,47 após a formação do fundo destacado e em seguida cadastrou a ordem de stop loss em R$24,55, logo abaixo da mínima deste fundo.

Repare que após sua compra o preço cai e aciona automaticamente o stop de oscilação. No entanto, no mesmo dia do stop a ação volta a se recuperar e após alguns dias atinge o objetivo de lucro da operação em R$28,39. Ou seja, a operação que poderia ter gerado um lucro de 7,3%, proporcionou um prejuízo na mesma proporção.

Stop de fechamento – Vantagens

Agora vamos ao stop de fechamento. Qual é a a sua principal vantagem? Evitar os violinos, aumentando assim a taxa de acerto das operações. No exemplo anterior da GGBR4, caso o stop fosse de fechamento a operação teria proporcionado lucro, ao invés de prejuízo. Por quê? Porque não houve um fechamento abaixo da mínima do fundo que gerou a compra, apenas ocorreu uma oscilação abaixo que acionou as ordens automáticas de stop.

Stop de fechamento – Desvantagens

E quais as desvantagens do stop de fechamento? Primeiramente a necessidade de acompanhar o pregão, no mínimo o encerramento do mesmo, com o objetivo de verificar se é preciso acionar o stop. Ou seja, se o fechamento foi abaixo do valor estabelecido para a saída da operação com prejuízo.

Além disso, o tamanho do prejuízo quando o stop de fechamento for acionado tende a ser maior que o gerado pelo stop de oscilação. Veja o exemplo no gráfico diário da LREN3, onde a compra foi gerada pelo candle E e o stop posicionado logo abaixo da mínima deste candle.

Repare que os stops de oscilação e fechamento foram acionados em dias distintos. O stop de oscilação, gerado pelo candle S, gerou um prejuízo de 5,3%. Já o stop de fechamento, gerado no pregão seguinte, proporcionou uma perda de 6,9%.

Desta forma, analisando as vantagens e desvantagens das opções de stop abordadas neste vídeo, é recomendável para a maioria o uso do stop de oscilação. Por quê? Porque além de ter a necessidade de acompanhamento do pregão, boa parte dos investidores por questão de disciplina não acionará manualmente o stop de fechamento, abrindo assim espaço para um prejuízo bem maior.

Etapa concluída

Parabéns! Você concluiu mais uma etapa.

Espero sempre contar com a sua presença na nossa sala de aprendizado. Muito obrigado!

Recomendo!

Assista também ao vídeo Stop. Deseja continuar o aprendizado? Simples, acesse o menu Aprendizado do site e desfrute dos diversos vídeos e artigos disponíveis.

2 Comentários

Assine os feeds dos comentários deste post

  1. Ruy disse:

    Como sempre, parabéns pelos vídeos. Mas particularmente quanto a este não entendi muito bem como operar no HB esses stops. Nos HBs temos o preço de acionamento e o preço de venda, o que efetivamente queremos realizar a operação. Como fazemos esses stops mencionados? Ontem saí para o almoço, BBAS3 estava mantendo a alta dos dias anteriores, quando cheguei havia uma forte queda, pus um stop no 24,00 e mantive a ação, sem precisar sair e sem prejuízo. Mas na BRFS3 tive prejuízo, no violino que você explicou. Pus um stop e a ação terminou sendo vendida na oscilação. Parabéns pela precisão do comentário, pois ainda ontem testemunhei o que você acabou de explicar. Fica só a dúvida acima. Obrigado.

  2. Dalton Vieira disse:

    Olá Ruy,

    O stop de oscilação é a ordem de stop automatizada feita pelo Home Broker. Já o stop de fechamento não tem como automatizar, conforme comentado no vídeo.

    O stop de fechamento você verifica se fechou abaixo do valor estipulado como stop. Em caso afirmativo, envia a ordem de venda manualmente. Exemplo: caso você utilizasse o stop de fechamento na BBAS3, seria necessário vendê-la manualmente caso o preço termine um pregão abaixo dos 24,00.

    No caso da BRFS3 para efetivar o violino será necessário o ativo chegar no objetivo de lucro que você estabeleceu após a compra.

    Um ótimo domingo. Grande abraço.

Deixe seu comentário

  • Para sua imagem aparecer ao lado de seu nome nos comentários, cadastre-se no Gravatar usando o mesmo e-mail com o qual comentou.
  • Para pedidos de parceria utilize o formulário de contato.
  • Comentários que deixam a impressão de divulgação de outro site através do fornecimento de links serão excluídos.