Pular a navegação e ir direto para o conteúdo


Blog

21.09.2016 | 16:59

Topos e Fundos – Saiba como identificá-los

Publicado na(s) categoria(s) Análise Técnica, Aprendizado, por Dalton Vieira

Olá amigos investidores, sejam muito bem-vindos a nossa sala de aprendizado. Explicarei neste vídeo sobre os Topos e Fundos dos gráficos, princípios essenciais da Análise Técnica.

Topos e Fundos

De maneira simples os topos e fundos são pontos extremos no gráfico de um ativo. Partindo deste princípio onde estão os pontos extremos na figura ao lado?

Correto, basicamente estão localizados nos picos e vales do gráfico. Para ficar mais claro vamos abordar estes importantes princípios da análise técnica separadamente.

O que é um topo?

É a extremidade ou o ponto mais alto de um movimento de alta, o qual antecede um movimento de baixa. Local onde o preço parou de subir e começou a cair. Geralmente a formação do topo é sinalizada por um ponto de retorno de baixa, assunto que será abordado em outro vídeo de aprendizado.

Vale destacar que o topo é a região de resistência mais importante no gráfico. Por quê? Porque é um ponto de fácil lembrança e identificação por diversos investidores, marcado pela reversão de um movimento de alta para baixa.

Exemplo – Topo

Vamos a um exemplo prático. No gráfico diário da CYRE3, figura abaixo, onde estão os topos? Para facilitar, quais são os pontos onde o preço para de subir e começa a cair?

Isso mesmo, os círculos destacados em vermelho são os topos, pontos de reversão de um movimento de alta para um movimento de baixa.

O que é um fundo?

É a extremidade ou o ponto mais baixo de um movimento de baixa, o qual antecede um movimento de alta. Local onde o preço parou de cair e começou a subir. Geralmente a formação do fundo é sinalizada por um ponto de retorno de alta, assunto que será abordado em outro vídeo de aprendizado.

Vale destacar que o fundo é a região de suporte mais importante no gráfico. Por quê? Porque é um ponto de fácil lembrança e identificação por diversos investidores, marcado pela reversão de um movimento de baixa para alta.

Exemplo – Fundo

Vamos a um exemplo prático. No gráfico diário da CYRE3, figura abaixo, onde estão os fundos? Primeiramente identifique os pontos extremos. Agora quais são os pontos onde o preço para de cair e começa a subir?

Isso mesmo, os círculos destacados em azul são os fundos, pontos de reversão de um movimento de baixa para um movimento de alta.

Exemplo – Topos e Fundos

Vamos agora a um novo exemplo. No gráfico diário da BVMF3 onde estão os topos e fundos? Na tentativa de simplificar, busque primeiramente marcar os pontos extremos.

Os picos, pontos onde o preço para de subir após um movimento de alta e começa cair, são os topos. Os vales, pontos onde o preço para de cair após um movimento de baixa e começa a subir, são os fundos. Observe no gráfico abaixo os topos e fundos devidamente destacados respectivamente em vermelho e azul.

A correta identificação dos topos e fundos é de fundamental importância na análise técnica, visto que facilitará o entendimento de outros princípios essenciais, como por exemplo tendências de alta e baixa. Assunto que será abordado em outro vídeo de aprendizado.

Etapa concluída

Parabéns! Você concluiu mais uma etapa.

Espero sempre contar com a sua presença na nossa sala de aprendizado. Muito obrigado!

Recomendo!

Assista também ao vídeo Movimentos. Deseja continuar o aprendizado? Simples, acesse o menu Aprendizado do site e desfrute dos diversos vídeos e artigos disponíveis.

10 Comentários

Assine os feeds dos comentários deste post

  1. Silvio disse:

    Boa Noite Dalton,
    Podemos dizer que o candle formado hj em BBDC4 é um piercing? e que respeitou a LTA de curto prazo?
    O volume teria que ser analisado também?
    Obrigado e Bom final de semana.

    Abs

    Silvio

  2. Dalton Vieira disse:

    Olá Silvio,

    Correto, temos uma perfuração (piercing) no gráfico diário da BBDC4 em cima de uma região de suporte de suporte.

    Um volume mais algo aumentaria a importância do piercing. Desafio agora do papel está por volta de 35,60 para dar continuidade a reação dos touros.

    Grande abraço.

  3. Cesar disse:

    Como identificar de maneira mais especifica um topo e fundo. No gráfico você marcou topos e fundos mais importantes porque desprezou os outros. O mercado sempre mostra pequenos movimentos, as vezes não identificamos como fundo ou topo porque?
    Também gostaria de saber que tipo programa esta usando para fazer videos.
    Obrigado

  4. Dalton Vieira disse:

    Olá Cesar,

    1. Recomendo olhar para os pontos extremos dos movimentos de alta e baixa (reversões mais visíveis), locais onde o preço parou de subir e começou a cair ou o contrário. Nos gráficos apresentados neste artigo, no meu entendimento, não desprezei outros topos e fundos.

    2. Os topos e fundos mais visíveis representam a reversão dos movimentos mais importantes. Além disso, as resistências e suportes destes topos e fundos são mais significativos.

    3. Uso o WSC para produzir os vídeos de aprendizado.

    Grande abraço.

  5. Markão disse:

    Parabéns pelas videos aulas muito bom mesmo vai me ajudar bastante pois sou totalmente leigo nesse assunto mas quero aprender investir na bolsa e esses videos só veio a me incentivar mais e mais. Obrigado abraço

    Markao

  6. Dalton Vieira disse:

    Excelente, Markao.

    Aproveite ao máximo o conteúdo do site e do meu canal no youtube (http://bit.ly/1guyirt).

    Grande abraço.

  7. Julia disse:

    Muito boa as sua explicações!
    De forma bastante didática, simples e clara.
    Ajuda bastante o investidor iniciante.

    Algumas dúvidas que tenho:
    1)Qual seria um bom de período de dados a ser coletados e considerados na análise? 52 semanas, 100 dias, 80 dias, 15 dias?

    2) Qual escala boa de tempo a se considerar nos gráficos? Vi que utiliza candles diários e a escala em X em semanas

  8. Dalton Vieira disse:

    Oi Julia, bom dia.

    1) Isso vai depender da duração que deseja para suas operações. Se for usar o gráfico diário para realizar suas análises e tentar pegar os seus movimentos ou tendência, é interessante que tenha um histórico de pelo menos 2 anos, visando avaliar como está a tendência de prazo maior (exemplo: gráfico semanal). Enfim, quanto maior o histórico melhor, inclusive para realizar estudos.

    2) Vai depender do seu perfil e disponibilidade de tempo. Eu costumo usar pelo menos 3 tempos gráficos. No entanto, o foco maior está no gráfico diário.

    Grande abraço.

  9. Erick disse:

    Dalton, quantos candles podem ser considerado como um fundo ou topo. As vezes percebo no grafico um possivel topo ou fundo mas com dois candles e alguns indicadores como o zigzag não consideram como topo ou fundo.

  10. Dalton Vieira disse:

    Oi Erick, boa tarde.

    A formação de um topo ou fundo se inicia através de dois candles. Alguns são anulados logo na sequência, ou seja, não gerando o movimento (mais candles) a favor da sinalização. Geralmente isto ocorre quando a sinalização de topo ou fundo ocorre contra a tendência. Desta forma, é importante avaliar o movimento e a tendência que antecede a formação de um topo ou fundo, visando ter uma relevância (confiabilidade) maior na sinalização gráfica gerada.

    Grande abraço.

Deixe seu comentário

  • Para sua imagem aparecer ao lado de seu nome nos comentários, cadastre-se no Gravatar usando o mesmo e-mail com o qual comentou.
  • Para pedidos de parceria utilize o formulário de contato.
  • Comentários que deixam a impressão de divulgação de outro site através do fornecimento de links serão excluídos.